Instale o Eclipse Java IDE mais recente no DuZeru.

Atualizado em maio 31, 2017 em INSTALAR/CONFIGURAR
2 em dezembro 18, 2016

1. Introdução
O Eclipse é um IDE poderoso e rico em recursos para desenvolvedores Java, mas as versões empacotadas com Debian e Ubuntu ficam muito atrás dos últimos lançamentos. Na verdade, a versão com o Ubuntu 16.04 foi lançado em 2012 e foi descontinuado há algum tempo.

Apesar do fato de que tanto o Ubuntu como o Debian não compram e enviam novas versões do mesmo, o Eclipse ainda está facilmente disponível para os usuários de ambas as distribuições. Você apenas tem que ir sobre começá-lo uma maneira diferente, e os colaboradores de Eclipse têm uma solução grande para esta.

2. Obtendo o Java 8
Como o Eclipse é basicamente um IDE Java (você pode usá-lo com outros idiomas), provavelmente você vai querer instalar o Java 8 no seu sistema para poder desenvolver aplicativos. A boa notícia é; O Java 8 está disponível para Ubuntu e Debian.
2.1. Debian Jessie
O Java 8 não foi disponibilizado aos usuários Debian quando Jessie foi lançado pela primeira vez, mas está disponível através do repositório jessie-backports. Portanto, o primeiro passo para obter o Java 8 é ativar esse repositório.

 

Abra o arquivo /etc/apt/sources.list no seu editor de texto favorito como root e adicione a seguinte linha.

# Backports repository
deb http://httpredir.debian.org/debian jessie-backports main

Sinta-se livre para adicionar contrib enon-free se você quiser também.

Agora, atualize o apt com o novo repositório.
# apt-get update
Após o apt terminar a atualização, você pode instalar os pacotes de jessie-backports.
# apt-get -t jessie-backports install openjdk-8-jre openjdk-8-jdk

3. Downloading Eclipse

 

Os desenvolvedores do Eclipse oferecem duas maneiras de instalar o Eclipse. Um deles envolve o download e o uso de um programa de instalação personalizado que pode selecionar diferentes versões do Eclipse e IDEs para diferentes idiomas, como C ++ e PHP. Uma vez que este guia é focado em Java, ele vai cobrir a rota mais direta.

O Eclipse é fornecido como um binário pré-compilado em um tarball. Esta é a maneira mais simples de distribuí-lo de uma forma que funcione para cada distribuição Linux.

Para obter o tarball, navegue até a página de download no site do Eclipse.

https://www.eclipse.org/downloads/download.php?file=/technology/epp/downloads/release/neon/1a/eclipse-java-neon-1a-linux-gtk-x86_64.tar.gz


Uma vez lá, clique no botão "Download". Você pode usar seu arquivo gráfico gerenciar e extraí-lo para o diretório de sua escolha ou salvá-lo e usar o tar. Este guia vai usar tar.

Agora, cd no diretório onde você quer Eclipse "instalado". Eclipse é mais-ou-menos auto-contido em sua pasta, por isso não é realmente instalado no sistema. É apenas um binário que reside em seu diretório home.

Uma vez lá, use tar para extrair o arquivo nesse diretório.
$ cd ~
$ tar xpf Downloads/eclipse-java-neon-1a-linux-gtk-x86_64.tar.gz

A pasta resultante será simplesmente chamada de "eclipse".

4. Executando o Eclipse

Agora, uma instalação funcional do Eclipse existe em seu sistema em ~ / eclipse. Você pode iniciá-lo graficamente a partir do seu navegador de arquivos clicando no item na pasta chamada "eclipse", ou você pode iniciá-lo a partir da linha de comando.
$ cd eclipse
$ ./eclipse

Quando você executá-lo, o Eclipse solicitará que você configure um espaço de trabalho para si mesmo. Esta é a pasta que conterá todos os seus projetos e seus arquivos associados.

5. Criando um Ícone de Lançamento

Pode ser melhor do que nada, mas lançar Eclipse desta forma está longe de ser ideal. Uma vez que este é o Linux, a solução é bastante simples; Crie um arquivo .desktop para ele.

Para criar o arquivo de área de trabalho, cd em .local / share / applications em seu diretório home. 
$ cd ~/.local/share/applications
Crie um novo arquivo usando seu editor de texto favorito chamado eclipse.desktop. Você pode personalizar o arquivo como quiser, mas se não tiver certeza do que adicionar, copie o exemplo abaixo.

[Desktop Entry]
Type=Application
Name=Eclipse
Icon=/home/YOURUSER/eclipse/icon.xpm
Path=/home/YOURUSER/eclipse
Exec=/home/YOURUSER/eclipse/eclipse
StartupNotify=false
StartupWMClass=Eclipse
Agora, o Eclipse deve estar disponível no menu do ambiente de trabalho. Se não estiver lá, saia e volte a entrar. Também é importante usar caminhos absolutos como os especificados. Caminhos relativos ou variáveis como $ HOME não funcionarão.

6. Conclusão

Com esse método, você pode instalar e usar as versões mais recentes do Eclipse com versões atualizadas do Java no Debian e no Ubuntu. Para manter sua instalação do Eclipse atualizada, use a funcionalidade de atualização interna no programa, navegando para Ajuda> Verificar atualizações.


FONT
  • Aprovado por
Resposta
0 em maio 5, 2017

Eu gosto deste logotipo. Ele é algo como isto: https://www.logaster.com.br/gallery/startup-logo/

  • Aprovado por
Resposta
Cancelar
0 em maio 31, 2017

Sinto muito, meu link não está correto. Aqui está o link correto: http://www.logaster.com.br/gallery/startup-logo/ 

  • Aprovado por
Resposta
Cancelar
Carregando mais tópicos